sábado, 5 de dezembro de 2015

Dilma Rousseff pensou em deixar o PT

dilmaV

Nas últimas semanas, a presidente Dilma Rousseff cogitou seriamente deixar o PT. O assunto foi discutido com os ministros Jaques Wagner e Ricardo Berzoini. Dilma acredita que as falcatruas em que o partido está metido na Lava Jato a deixam ainda mais vulnerável. Após a autorização para o processo de impeachment na quarta-feira, o assunto voltou para a gaveta. Mas não foi esquecido.
Época

Ministro da Saúde diz que o PMDB vai atuar alinhado contra impeachment

ministro_saude
O PMDB deve atuar alinhado em defesa do mandato da presidente Dilma Rousseff na comissão especial que analisará o pedido impeachment que começará a funcionar na segunda-feira, disse o ministro da Saúde, Marcelo Castro. “O PMDB não é um partido golpista. A história do partido é em defesa da democracia, lutou pelas Diretas, pelo estado democrático de direito, essa é a marca do PMDB”, disse o ministro peemedebista à Reuters.
O PMDB tem direito a oito vagas na comissão especial que analisará o pedido de impeachment, maior bancada no colegiado de 65 assentos, juntamente com o PT, que também tem direito a oito deputados. A declaração do ministro da Saúde foi feita horas depois de ter sido revelado que o ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, um dos principais aliados do vice-presidente Michel Temer, pediu demissão do cargo.

A incoerência de um partido ‘bandido’ chamado PT

pt
O assunto em moda, o impeachment de Dilma, ganha as redes sociais e as praças de todo o país, na discussão sobre como pensará o Congresso Nacional na hora de decidir o futuro da nação. Nesse período, o que se ver, são defesas e críticas ao modelo de governar da presidente e também, muitas incoerências políticas. Essa por exemplo: No governo FHC ficou famosa essa foto em que os partidos ditos de oposição e aí, se sobre sai o PT, que defendia com unhas e dentes o impeachment do mandatário de então.Na época, não existia uma argumentação forte para destronar FHC, mas o PT queria por que queria tira-lo do poder. Hoje, quando se fala no impeachment de Dilma, o o PT diz que é golpe… golpe?
Veja a famosa foto: Lá estavam Lula, Dirceu, Arraes e até o Temer…

O prestígio político de Wilma é infinitamente superior ao de Rafael Motta

wilma heitor
Mande quem pode, obedece quem tem juízo. Você vale pelo que você é! São verdades.
O presidente da executiva nacional do PSB, Carlos Siqueira, jurou ajoelhado que o comando do PSB no Rio Grande do Norte seria da ex-governadora do Estado, Wilma de Faria. Ela foi traída. A legenda vai terminar nas mão do deputado federal Rafael Motta.
Siqueira esqueceu de um detalhe: Wilma é quem decidirá a eleição para prefeito de Natal. De um lado ou de outro. É o fiel da balança. E seu prestígio eleitoral é infinitamente superior ao do deputado Rafael Motta.

Deputado Antônio Jácome integra comissão que vai analisar impeachment de Dilma

jacome_comissao
A bancada potiguar terá representante na comissão especial para análise do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. O deputado federal Antônio Jácome (PMN) foi escolhido pelo seu partido, depois da abertura do processo pelo presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB).

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Deputado do PT é um ‘escroto’ e ‘demagogo’ em comparar Dilma com Getúlio

siba

O líder do PT na Câmara, o deputado Sibá Machado (AC), comparou o momento atual por que passa a presidente Dilma Rousseff às crises que levaram ao suicídio de Getúlio Vargas, em 1954, e ao golpe militar, dez anos depois.
O que está sendo colocado é o pior da história política do Brasil. Aconteceu com Getúlio, com o João Goulart [em 1964, deposto pelos militares] e querem repetir com Dilma”, disse, ao comentar a saída do ministro Eliseu Padilha (Aviação Civil) do governo.
Do blogue: deixa de conversar asneira, papangú! O PT queria o impeachment de Itamar, FHC e Collor. Collor renunciou e não teve nada disso, seu demagogo! Bem que tem muita gente que poderia emprestar um revolver a Dilma.
Fonte: Robson Pires

Oratório de Santa Luzia vira patrimônio cultural de Mossoró

oratorio
A Prefeitura de Mossoró publica nesta sexta-feira, 4, a lei 3.366 que reconhece o Oratório de Santa Luzia como Patrimônio Cultural de Mossoró, conforme artigo 179 da Lei Orgânica. A iniciativa da vereadora Izabel Montenegro foi apreciada e aprovada pelo prefeito Francisco José Júnior que compreende a importância deste evento cultural para a cidade.
Este reconhecimento foi publicado no ano em que o espetáculo que conta a história de Santa Luzia, padroeira da cidade, completa 15 anos. A encenação que é realizada no adro da Catedral, reúne 60 atores e é um dos pontos altos da maior festa religiosa do Município.
Para o prefeito, a iniciativa foi louvável. Ele parabenizou a vereadora Izabel Montenegro pela sensibilidade, bem como os demais vereadores que votaram pela aprovação da Lei que faz justiça a um evento tão importante. “Assim como o Chuva de Bala no País de Mossoró e o Auto da Liberdade, o Oratório de Santa Luzia é uma manifestação que contribui para o desenvolvimento artístico, cultural e econômico de Mossoró”, destacou Francisco José Júnior.

Governo do RN e Caixa assinam termo para mais 6 mil casas do Minha Casa Minha Vida

governo_casa
O Governo do Estado garantiu a construção de mais 6 mil unidades habitacionais no Rio Grande do Norte por meio do programa Minha Casa Minha Vida. Na tarde desta sexta (4), o governador Robinson Faria assinou um termo de cooperação com a Caixa Econômica Federal – por meio da Secretaria de Estado do Trabalho da Habitação e da Assistência Social (Sethas) e Companhia Estadual de Habitação (Cehab) – para a ampliação do programa em todas as suas modalidades no RN.
Com a assinatura, foi definida a construção destas 6 mil novas unidades habitacionais a partir do próximo ano na região metropolitana de Natal e outros municípios do interior como Caicó, Assu, Apodi e Santa Cruz. São Gonçalo deverá ter o maior número de casas: 1600 unidades.
“É uma cooperação técnica porque nós vamos lançar nosso selo moradia cidadã do Governo do Estado para que a Caixa Econômica seja nossa parceira no Minha Casa Minha Vida e que trate também os projetos de moradia e habitação do estado com prioridade”, explicou a secretária de Assistência Social, Julianne Faria.
O governador destacou que o déficit de habitação no Rio Grande do Norte é muito alto e que esta área será uma das prioridades de sua gestão. “Faremos o necessário para garantir teto aos potiguares que ainda não têm casa própria”, assinalou Robinson, destacando que esta ação irá movimentar a indústria da construção civil e toda a sua cadeia produtiva (lojas de material de construção, indústria de cimento etc).

Folha: PMDB pressiona Henrique para deixar Turismo

henrique_entrevista
A Folha de São Paulo destaca que a ala pró-impeachment do PMDB, ligada ao vice-presidente, trabalha agora para convencer o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB­RN), a deixar o governo. Na avaliação dessa ala da legenda, a saída de Henrique Alves seria um movimento coerente com a ligação pessoal que o ministro e o vice­presidente têm há anos.
Essa articulação ganhou força após o anúncio da saída de Padilha. Aliados do vice­presidente afirmam que as conversas com Henrique Alves devem acontecer ao longo do dia. O ministro não está em Brasília. Embarcou logo cedo para Natal.
Outros ministros peemedebistas no governo são Marcelo Castro (Saúde), Celso Pansera (Ciência e Tecnologia), Helder Barbalho (Portos), Eduardo Braga (Minas e Energia) e Kátia Abreu (Agricultura) –esta, na cota pessoal de Dilma.

Bancada do PT no Senado terminou de abandonar Delcídio do Amaral

delcidio_senado

Na manhã desta sexta-feira (4) a bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) no Senado divulgou uma nota pública referente ao caso do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), preso no último dia 25, sob a acusação de obstrução das investigações da operação Lava Jato da Polícia Federal e da Justiça.
Segue a íntegra da nota:
A bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) no Senado Federal, tendo em conta a gravidade dos fatos que redundaram na prisão do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), informa que decidiu recomendar à Comissão Executiva Nacional do partido, reunida nesta sexta-feira, 4 de dezembro de 2015, em São Paulo, que:
1 – adote a medida cautelar de suspensão provisória do senador Delcídio do Amaral, à luz do disposto no inciso I, art. 246, do Estatuto do PT;
2 – represente, na Comissão de Ética e Disciplina cabível, pela abertura de processo disciplinar contra aquele parlamentar, com vista a que sejam apuradas as acusações que lhe são imputadas.
A bancada do PT no Senado esclarece, ainda, que a decisão em tela visa à investigação rigorosa, nas instâncias partidárias, dos fatos que envolveram a prisão do senador Delcídio do Amaral, adentrando ao mérito da questão.
Na quarta-feira, 25 de novembro de 2015, em sessão do Senado Federal, a bancada posicionou-se pela abordagem jurídica do tema, questionando aspectos de constitucionalidade do princípio da separação e independência dos Poderes da União e dos termos que fundamentaram a prisão de um membro do Congresso Nacional, tese que foi vencida, em votação, pela vontade da maioria dos senadores.

Dilma: vou lutar contra pedido de impeachment porque nada fiz

dilma_IP
A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (4) que vai lutar contra a abertura do processo de impeachment porque nada fez que justificasse o pedido. Em discurso na 15ª Conferência Nacional de Saúde, ela avaliou que, pela saúde da democracia brasileira, é preciso lutar contra o golpe. “As razões que fundamentam essa proposta são inconsistentes e improcedentes. Eu não cometi nenhum ato ilícito”, afirmou. “Meu governo praticou todos os atos dentro do princípio da responsabilidade com a coisa pública”, completou, em meio a gritos de “Não vai ter golpe” e “Fora Cunha”, da plateia.
De acordo com a presidenta, o que está em jogo são escolhas políticas feitas ao longo dos últimos 13 anos. Ao fim do discurso, Dilma garantiu que vai defender o seu mandato com todos os instrumentos de um Estado de Direito. “Essa luta não é em favor de uma pessoa, de um partido ou de um grupo de partidos. É uma luta em favor da democracia brasileira”, disse. “Vou lutar contra esse pedido de impeachment porque nada fiz que justifique esse pedido e, principalmente, porque tenho um compromisso com a população deste país”.

Polícia Civil empossa 38 agentes de Polícia Civil

agentes
A Polícia Civil do Rio Grande do Norte empossou 38 agentes de Polícia Civil, nesta sexta-feira (4), durante solenidade realizada no auditório da Academia de Polícia Civil (Acadepol). Os novos agentes de polícia irão trabalhar na grande Natal e em cidades do interior. No total, 160 policiais civis policiais civis foram empossados durante o ano de 2015, sendo 44 delegados, 29 escrivães e 87 agentes.
Participaram do evento o delegado geral de Polícia Civil, Stenio Pimentel; o delegado geral adjunto de Polícia Civil, Adson Kepler; a chefe de gabinete da Delegacia Geral de Polícia Civil (DEGEPOL), delegada Ilzeny Maria de Morais; o diretor da Academia de Polícia Civil, delegado Francisco Correia Júnior; o diretor de Polícia Civil do Interior (DPCIN), delegado Cleiton Pinho; o diretor adjunto da DPCIN, delegado Lenivaldo Pimentel; o Diretor do Setor de Recursos Humanos da Polícia Civil, o delegado Olavo Ferreira Chaves Filho; e a Diretora da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), delegada Sheila Freitas.
“Estamos muito satisfeitos em empossar os nossos novos agentes de Policia Civil do Rio Grande do Norte. Temos a certeza de todos irão contribuir nos esforços permanentes da nossa instituição em oferecer segurança à população do nosso estado. Desde já, contem conosco durante toda a trajetória profissional que se inicia hoje”, ressaltou o delegado geral de Polícia Civil, Stenio Pimentel.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

CRAS expõe temática sobre a violência contra a mulher.


          A Secretária Municipal de Assistência Social, através do Centro de Referência da Assistência Social – CRAS, realizou durante todo o dia de ontem (01) e hoje (02) em sua sede, exposição dirigida a toda população Felipense e em especial ao público feminino cujo tema foi Nem tão Doce Lar”. A exposição que contou com a presença do prefeito Haroldo Ferreira e da primeira Dama e Secretária Girlene Ferreira teve a importante participação da Subsecretária adjunta da Assistência Social Neucira Morais e da coordenadora do CRAS, Carla Heveline e demais colaboradoras do CRAS. O objetivo almejado é conscientizar a sociedade quanto a violência doméstica.

      A violência contra mulheres e meninas é uma grave violação dos direitos humanos. Seu impacto varia entre consequências físicas, sexuais e mentais para mulheres e meninas, incluindo a morte A violência contra a mulher é entendida como qualquer ato ou conduta, que cause morte, dano ou sofrimento físico, sexual ou psicológico à mulher, tanto público como privado. Este tipo de violência já é reconhecido pela própria ONU – Organização das Nações Unidas – como um grave problema de saúde pública.

fonte: ASSCOM DO GOVERNO MUNICIPAL

A dupla Cunha & Dilma é um sucesso!

dupla_dilma

Cunha anuncia constituição de comissão para dar parecer sobre impeachment

dilma e aliados
Após ler o parecer em que autorizou a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciou no fim da tarde desta quinta-feira (3/12) a constituição da comissão especial que dará parecer sobre o processo de afastamento da petista na Casa. O peemedebista também leu a notificação sobre o processo que será enviada à Dilma.
Diante de um plenário esvaziado, Cunha leu parecer feito por ele em relação ao pedido de impeachment elaborado pelos juristas Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT, Miguel Reale Júnior, ex-ministro da Justiça do governo Fernando Henrique Cardoso, e Janaína Paschoal. No documento, ele alega que Dilma cometeu crime de responsabilidade fiscal, entre outras coisas, pela prática das chamadas “pedaladas fiscais”.

Cunha conclui leitura de decisão e oficializa início do processo de impeachment

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), concluiu há pouco a leitura da sua decisão e oficializou o início do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff por suposto crime de responsabilidade contra a Lei Orçamentária. Embora o painel registrasse a presença de mais de 400 deputados, poucos acompanharam, em plenário, a leitura, que é requisito para início do processo de impedimento da presidenta.
Após concluir a leitura da decisão de aceitar o pedido de impeachment, Cunha anunciou a criação da comissão especial, composta por 65 deputados de todos os partidos com assento na Câmara, que irá analisar toda a documentação e as denúncias apresentadas pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Jr. e Janaína Paschoal para embasar a abertura do requerimento de abertura do processo de impeachment.

Manifestação: Vamos enterrar o 13 (PT) no dia 13 às 13 horas.

manifest

Em plenário, Cunha lê decisão favorável à abertura de processo de impeachment

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), iniciou a leitura, em plenário, da decisão em que acatou pedido de abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, apresentado pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Júnior e Janaína Paschoal. A decisão de Cunha tem mais de 20 páginas.
A leitura é requisito para o início do processo de impeachment. Depois, Cunha irá determinar a criação da comissão especial que vai analisar a denúncia. Antes de Cunha, o primeiro secretário da Casa, deputado Beto Mansur (PRB-SP), leu, na Mesa da Câmara, os documentos que serviram de base para o pedido de impeachment. Ao todo, Mansur fez a leitura das 68 páginas da denúncia.

Garibaldi defende mobilização do nordeste em favor da aceleração das obras de transposição

garibaldi_transpo
Mobilizar a classe política nordestina – principalmente os integrantes das bancadas parlamentares da região no Congresso Nacional – e buscar junto ao governo federal uma resposta rápida no sentido de que as obras de transposição do Rio São Francisco serão aceleradas. A proposta foi apresentada pelo senador Garibaldi Filho durante sessão temática do Senado Federal que discutiu a crise hídrica no Brasil.
“A seca é um fenômeno que vem atravessando a história do Nordeste. Essa situação não deixa de ser constrangedora, porque apesar de já termos construído um cabedal razoável de obras de convivência com a seca, o quadro atual demonstra que ainda estamos enfrentando o problema de maneira insuficiente”, observou o senador Garibaldi Filho.
Quando governou o Rio Grande do Norte, Garibaldi Filho deixou como legado mil quilômetros de adutoras construídos. Ele comparou que ex-governadores de estados vizinhos presentes à sessão especial – os hoje senadores Cássio Cunha Lima, José Maranhão e Tasso Jereissati – também deixaram obras hídricas importantes quando governaram seus estados. “A obra que resolverá definitivamente o problema é a transposição. Não podemos chegar ao final de 2016 sem que as águas do São Francisco estejam penetrando os territórios da Paraíba e do Rio Grande do Norte”, declarou o senador potiguar.

Impeachment: PT e PMDB terão maior número de representantes. Dilma tem vantagem

PT e PMDB são os partidos que terão maior número de representantes na comissão que decidirá sobre o impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara. Cada uma das legendas tem oito de um total de 65 membros.
Os partidos podem indicar nomes até as 14h de segunda-feira, 7. A eleição acontece às 18h do mesmo dia. O colegiado é instalado na terça-feira.Partidos que integram o governo Dilma (PMDB, PP, PTB, PRB, PT, PSD, PR, PCdoB e PDT) têm 36 membros. As bancadas de muitas destas legendas, no entanto, não são coesas e há opositores da presidente. Os principais partidos de oposição (DEM, SD, PSC ,PSDB, PPS e PSB) têm 17 representantes. A maior bancada oposicionista é a do PSDB, que terá seis integrantes.
Há representantes de PMDB, PP, PTB, DEM, PRB, SD, PSC, PHS, PTN, PMN, PEN, PT, PSD, PR, PROS, PC do B, PSDB, PSB, PPS, PV, PDT, PSOL, PTC, PT do B, Rede e o estreante PMB, Partido da Mulher Brasileira. PRP, PSDC, PRTB e PSL não terão membros na comissão por não terem representantes na Câmara.

Fátima Bezerra manifesta indignação contra impeachment de Dilma

fatimapt
A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) manifestou sua indignação com a decisão do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, que aceitou o pedido de abertura de processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Para a senadora, o presidente da Câmara dos Deputados, que tem pesando contra ele várias denúncias de corrupção, agiu em retaliação porque os três deputados petistas que têm assento no Conselho de Ética votaram a favor da abertura de processo disciplinar contra ele por quebra de decoro parlamentar.
Para Fátima Bezerra, a decisão de Cunha, um homem sem condições éticas, desestabiliza a democracia brasileira, além de não ter nenhuma base jurídica. “O deputado Eduardo cunha tentou atingir não só o nosso partido. Tentou atingir o governo, tentou atingir o coração da democracia brasileira. Ele, ao tomar uma atitude dessa natureza, sem solidez, sem base jurídica, movido pelo sentimento de vingança está na verdade apunhalando a democracia”, afirmou a senadora.

Primeiro-secretário da Câmara faz leitura de documentos relativos a impeachment

O primeiro-secretário da Câmara dos Deputados, Beto Mansur (PRB-SP), iniciou, há pouco, a leitura dos documentos relativos ao pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, que foi aceito ontem (2) pelo presidente da Casa, Eduardo Cunha (PDMB-RJ). O pedido foi apresentado pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Jr e Janaína Paschoal em outubro último e tem por base suposto crime de responsabilidade da presidente da República em relação à Lei Orçamentária.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Adiada para amanhã votação de parecer sobre representação contra Cunha

cunha_processo
A votação do parecer do deputado Fausto Pinato (PRB-SP), relator da representação contra o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar foi adiada para amanhã (2), a partir das 14h30. Durante a tarde e parte da noite de hoje (1º) vários deputados que integram o conselho discutiram o parecer do relator, que defende o prosseguimento das investigações sobre Cunha.
Também na tarde de hoje o advogado de defesa do presidente da Câmara, Marcelo Nobre, pediu o arquivamento da representação por considerar não existir provas contra o seu cliente. O relator afirmou que o parecer preliminar não fala de fatos provados e não trata de mérito, mas recomenda que seja dada continuidade à representação para investigar se Cunha quebrou ou não o decoro parlamentar.

Suplente do senador Delcídio do Amaral parece meio enrolado

Fila indiana: Lula, Pedro Chaves e Delcídio
O empresário Pedro Chaves dos Santos, filiado ao PSC de Mato Grosso do Sul, pode assumir, aos 74 anos, uma cadeira no Senado caso o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) seja cassado. Integrante da elite sul-mato-grossense, Chaves, que atua na área educação, tem uma relação familiar com outro personagem investigado por corrupção no âmbito da Petrobras. Sua filha, Neca Chaves Bumlai, é casada com Fernando Bumlai, filho do pecuarista José Carlos Bumlai, preso desde a última terça-feira (24), amigo do peito do ex-presidente Lula.

O apelo de Rafael e Ricardo Motta pelo PSB de Wilma de Faria

rafael ricardo

Depois de ser expulso do PROS, e levando consigo o deputado estadual Ricardo Motta, o deputado federal Rafael Motta e seu pai tentam tomar o comando do PSB da ex-governadora Wilma de Faria.
Com previsão de se filiar até amanhã (03), eles não respeitam nem o estado de saúde da atual vice-prefeita Natal, que se recupera de um procedimento cirúrgico.

Mandato de prefeito será devolvido simbolicamente a Agnelo Alves

agnelo
O vereador Júlio Protásio (PSB), subscrito pelos vereadores Felipe Alves (PMDB) e Raniere Barbosa (PDT), apresentou à Câmara Municipal de Natal projeto devolvendo simbolicamente o mandato de prefeito do município a Agnelo Alves, falecido em 21 de junho deste ano durante o exercício do mandato do deputado estadual. O Projeto de Resolução o caráter antidemocrático na cassação dos direitos políticos do então prefeito, em 16 de maio de 1969.

Rafael Motta diz que foi “expulso” por críticas à gastança do PROS

rafael_comissao

Em nota à imprensa, o deputado federal Rafael Motta confirmou sua saída do PROS, segundo ele mesmo, pelas suas “críticas ao mau uso do fundo partidário por parte da Executiva Nacional, quando da compra de bens luxuosos, como um helicóptero e um avião”.
Além de Motta, também foram expulsos os deputados Domingos Neto (CE) e Valtenir Pereira (MT). “Posso afirmar com toda convicção de que não me arrependo e mantenho o meu posicionamento, pois o fundo partidário é constituído por dinheiro público e deve ser utilizado com ética, honestidade e responsabilidade”, afirmou Rafael Motta.

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

PF rastreia esquema que fraudou R$ 1 bilhão de aposentados

agentes-da-policia-federal-operacao-politeia

Investigações de um rombo no Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Tocantins (Igeprev) podem ajudar a desvendar um esquema milionário de lavagem de dinheiro em fundos podres por todo o país. Mais de R$ 1 bilhão “investido” em fundos — sem qualquer solidez e liquidez — está sendo rastreado pelos investigadores.
Desvendado pela Operação Miqueias da Policia Federal em 2013, o esquema foi usado por políticos e empresários para ocultar dinheiro de corrupção, segundo as autoridades. O Ministério Público no Tocantins já conseguiu bloquear R$ 250,8 milhões em bens de ex-gestores e empresas, responsáveis pela aplicação de recursos da previdência em fundos irregulares.

Fábio Dantas com um olho no TCE e outro no senado

fabio_enfesado
O vice-governador do Rio Grande do Norte, Fábio Dantas, sonha com uma vaga no Tribunal de Contas (TCE) do Rio Grande do Norte.
Mas…
Se não pintar uma vaga até as eleições de 2018 não causará nenhuma estranheza se ele “cismar” em candidatar-se a uma vaga no senado.
Fábio é arrojado. Além da conta. E não erra uma. Pelo menos tem sido assim desde que entrou na política. Ou estarei errado?

A partir de janeiro, pesquisas eleitorais precisam ser registradas

pesquisa_eleitoral_09

A partir do dia 1º de janeiro de 2016, entidades ou empresas que realizarem pesquisas de opinião pública relativas às eleições ou aos possíveis candidatos, para conhecimento público, ficam obrigadas a registrar, no juízo eleitoral competente para o registro das respectivas candidaturas, as informações previstas em lei e em instruções expedidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (Lei nº 9.504/1997, art. 33, caput e § 1º).
A partir desta data fica proibida a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, exceto nos casos de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior, casos em que o Ministério Público Eleitoral poderá promover o acompanhamento de sua execução financeira e administrativa (Lei nº 9.504/1997, art. 73, § 10).

Veio falar agora?! Dilma diz que ficou perplexa com prisão de senador

Dilma

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (30) que ficou “surpresa” e “perplexa” com a prisão do senador do PT e líder do governo, Delcídio do Amaral, no último dia 25, por suspeita de estar obstruindo investigações da Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Dilma afirmou ainda que não teme uma eventual delação premiada do senador.
As afirmações foram feitas em entrevista à imprensa, depois de participar da 2ª Sessão de Trabalho da 21ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro da Organização das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP21), em Paris.
“Obviamente que fiquei bastante surpresa com a prisão do senador Delcídio. Não tenho nenhum temor sobre a delação do senador Delcídio. Até falei ali, para vocês, que fiquei perplexa porque jamais esperei que isso pudesse acontecer com o senador”, disse Dilma, ao ser questionada por jornalistas sobre como recebeu a notícia da prisão do líder do governo, e se teria preocupação com uma eventual delação premiada feita por ele.

Teto do INSS vai a R$ 5,1 mil

inss pagamento

Inicialmente, ao enviar a proposta de Orçamento de 2016 para o Congresso Nacional em agosto deste ano, o governo federal trabalhava com a estimativa de aumentar o mínimo para R$865,46, considerando a fórmula de valorização do piso.
O mecanismo determina que a correção leve em conta a inflação acumulada do ano anterior acrescida à variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes, no caso o resultado de 2014 é de 0,1%. Com a previsão de aumentar o teto previdenciário do INSS para R$ 5.147,38, as outras faixas salariais também serão mexidas a partir do ano que vem. Assim, quem recebe atualmente dois salários mínimos (R$ 1.576) passará a ganhar R$ 1.739,43, por exemplo.

Wilma de Faria se recupera de cirurgia para tratar úlcera duodenal

wilma_prefeita

A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria (PSB), foi submetida a uma cirurgia neste sábado (28), no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ela passa por tratamento de uma úlcera duodenal.
Segunda sua filha, a deputada estadual Márcia Maia (PSB), a ex-governadora Wilma permanecerá na UTI até amanhã (30). Depois ela será transferida para um apartamento.

Governo se reúne neste domingo para definir como fará corte de despesas

dilmaV

Com a decisão inédita da presidente Dilma Rousseff de suspender o pagamento de todas as despesas, o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, convocou para a tarde deste domingo (29) uma reunião com integrantes do governo para discutir como será elaborado o decreto de programação financeira com um corte de R$ 10,7 bilhões nos gastos e como será executado o contingenciamento. Na segunda-feira (30), os secretários-executivos de todos os ministérios também se reunirão para analisar de que forma cada pasta irá lidar com as suspensões de pagamento.
Segundo O Globo, a suspensão de todas as despesas discricionárias anunciadas na sexta-feira pelo governo significa deixar de fazer, por exemplo, o pagamento de todos os serviços de água, luz, telefone, bolsas no Brasil e no exterior, fiscalização ambiental, do trabalho, da Receita e da Polícia Federal. A suspensão também atingirá gastos com passagens e diárias. Por isso, Dilma cancelou duas viagens programadas para o Vietnã e para o Japão na próxima semana. A presidente manteve, no entanto, ida a Paris, onde está neste momento, para a Conferência do Clima da ONU, porque a suspensão dos pagamentos ocorrerá a partir do dia 1 de dezembro e ela retornará ao país no dia 30 de novembro.

Globo promoverá mudanças no “Vídeo Show”

monica-e-ota
A Globo trabalha com a data de 29 de janeiro, uma sexta-feira, para a despedida de Monica Iozzi do “Vídeo Show”, que deixará a atração em função do desejo de retomar o expediente como atriz em filmes, novelas e teatro. A informação foi transmitida há poucos dias para o pessoal do programa e, caso não haja outra alteração, a nova companheira de bancada de Otaviano Costa deverá ser conhecida em 1º de fevereiro. Por outro lado, os trabalhos para encontrar sua substituta estão em ritmo acelerado no Projac.
Segundo o UOL, Letícia Lima, ex-“Porta dos Fundos” e atualmente em “A Regra do Jogo”, chegou a ser testada, porém não é unanimidade. Há vários nomes no páreo. Na verdade, desta vez, a Globo pretende evitar uma previsibilidade e poderá até surpreender, escalando alguém “fora da casinha”, mais experiente e que venha a se dedicar inteiramente ao programa.

Quadrilha explode agência do Banco do Brasil em Umarizal

umarizal
foto: Umarizal News
A Polícia Militar foi acionada na madrugada de hoje (29), por volta das 03h30, após uma quadrilha explodir o cofre central do Banco do Brasil em Umarizal. Segundo as primeiras informações da PM, os criminosos sabiam que os caixas eletrônicos tinham pouco dinheiro, já por motivo de segurança, levando-os a procurar o cofre da agência.

Liderando pesquisa para prefeito de SP, deputado pega 2 anos de prisão

russomano

O apresentador de TV, deputado federal pelo PRB e pré-candidato à prefeitura de São Paulo, Celso Russomano, foi condenado neste sábado a dois anos e dois meses de prisão por ter nomeado como funcionária de seu gabinete, entre 1997 e 2001, a gerente de sua produtora de vídeo Night and Day Promoções. As informações são daFolha de S. Paulo.
A Justiça Federal, que proferiu a decisão, no entanto, converteu a sentença do parlamentar em penas alternativas por ele já ter devolvido cerca de R$700 mil de verba de gabinete de seus mandatos entre 2001 e 2009. Com a minimização da pena, Russomano terá apenas que cumprir 790 horas de trabalho comunitário e pagar 25 cestas básicas.
De acordo com a Justiça, Sandra de Jesus, a gerente da empresa do pré-candidato, recebia salário de assessora parlamentar, mas exercia seu trabalho, de fato, na produtora. A prática, inclusive, foi utilizada no atual mandato do deputado. Ele nomeou como funcionários de seu gabinete cinco outras pessoas que trabalham no Inadec (Instituto Nacional de Defesa do Consumidor), ONG que mantém em São Paulo. A diferença para a outra nomeação é que, em tese, a organização não tem fins lucrativos.

Corrupção é o maior problema do país, aponta Datafolha

Pela primeira vez, a corrupção é apontada pelos eleitores brasileiros como o principal problema do país. É o que mostra pesquisa Datafolha divulgada neste sábado pela Folha de S.Paulo. O tema nunca havia aparecido na liderança das preocupações dos brasileiros desde que o levantamento começou a ser feito, em 1996. A saúde era destacada como maior mazela desde 2008.
Desta vez, a corrupção foi lembrada por 34% dos entrevistados. A saúde aparece em segundo lugar (16%), seguida pelo desemprego (10%) e pela educação e pela violência (ambos com 8%). Para 6%, a economia é o principal problema do Brasil no momento.
O Datafolha ouviu 3.541 pessoas entre os dias 25 e 26. A pesquisa coincide com a prisão do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), por obstrução às investigações da Operação Lava Jato, na última quarta-feira (25). Um dia antes, a Polícia Federal prendeu o pecuarista e empresário José Carlos Bumlai, suspeito de se beneficiar do esquema de corrupção na Petrobras. Amigo do ex-presidente Lula, Bumlai tinha livre trânsito no Palácio do Planalto na gestão do petista.
Ainda de acordo com o Datafolha, nos governos Lula e Fernando Henrique Cardoso, o maior índice alcançado pela corrupção na lista de maiores problemas dos brasileiros era de 9%. A pesquisa também aponta melhora na avaliação da presidente Dilma. O índice de rejeição ao seu governo caiu de 71% em agosto para 67% agora. Outros 22% consideram sua gestão regular (era 20% na pesquisa anterior). Subiu de 8% para 10% o percentual dos que avaliam seu governo como bom ou ótimo.

domingo, 29 de novembro de 2015

Prefeito Municipal Haroldo Ferreira receberá comenda no 5º Destaques da Mídia.


O prefeito Municipal de Felipe Guerra Haroldo Ferreira receberá o prêmio “Destaques da Mídia” em solenidade que acontecerá hoje (28/11), na cidade de Alexandria/RN, a partir das 20h. Criado em 2011, o prêmio que tem como objetivo homenagear secretários municipais, vereadores, prefeitos e profissionais de diversas áreas por se destacarem durante o ano viverá sua 5ª edição. Neste 5º evento, a coordenação resolveu indicar os destaques de cada município depois de ouvir profissionais de imprensa (Blogueiros, Jornalistas, Radialistas) e pessoas de reconhecida idoneidade que utilizaram da imparcialidade em suas escolhas. Estarão presentes representantes (secretários municipais e vereadores) das 62 cidades que compõem o Oeste Potiguar e os 7 gestores que foram escolhidos por microrregião. Ou seja, de cada microrregião um prefeito que tenha se destacado em 2015 receberá a comenda. O prêmio “Destaque da Mídia” é uma idealização do Instituto Logos – Assessoria e Pesquisa de Gestão, que faz exclusivo acompanhamento das gestões públicas. Eis os indicados da Microrregião da Chapada do Apodi:
                                                         
FELIPE GUERRA
Prefeito - Haroldo Ferreira de Morais
Vereadora - Sacha Joedna de Freitas Canela
Vereador – Salomão Gomes de Oliveira
Secretário – Suelliton Tavares
APODI
Vereadora – Maria Soneth Ferreira de Silva Gomes
 Vereador - Raimundo Nonato Carlos Júnior
Secretário – Aloma Cavalcante
CARAÚBAS
Vereador – Ailton Praxedes Fernandes
Secretário – Francisco Robenildo Lima

GOVERNADOR DIX-SEPT ROSADO
Vereador - Francisco das Chagas Cruz 
Secretário – Expedito Paulo Pereira Júnior.


Fábio Faria acompanha agenda administrativa do governador em Apodi

fabio_apodi
Pequenos agricultores rurais do município de Apodi receberam títulos de propriedade de terras, entregues pelo governador Robinson Faria. O deputado federal Fábio Faria (PSD/RN) acompanhou a solenidade que beneficiou 150 famílias. A ação também liberou crédito de R$ 600 mil a fundo perdido, pelo Banco do Nordeste.
“Em Brasília, estamos lutando para que as dívidas destes pequenos agricultores junto aos bancos oficiais sejam perdoadas. Enfrentamos uma das piores estiagens já vividas pelo nordestino e estas famílias não têm condições de honrar os financiamentos porque falta água para as plantações e para os animais.”, disse Fábio Faria. Em Apodi, o deputado e o governador encontraram prefeitos e vereadores de vários municípios do Médio Oeste.

Prisão de senador petista foi ato histórico para o Brasil

delcidio

A recente prisão de Delcídio do Amaral (PT) é acontecimento histórico. Pela primeira vez desde a redemocratização, em 1985, um senador em exercício é preso no país. Para especialistas ouvidos pela DW Brasil, o caso que contou com o apoio do plenário do Senado é um sinal positivo e fortalecedor para a democracia brasileira.
“A prisão mostra que o Estado de Direito vale para todos. E há um sinal positivo também do Senado ao manter a decisão. Diferentemente do que se via, a Casa não agiu de forma corporativa e seguiu a lógica da lei, mesmo que seja contra um colega”, disse o cientista político Cláudio Couto, da FGV.
Segundo o professor de ciência política da Unicamp Valeriano Costa, o caso “rompeu uma barreira” e serviu para diminuir a sensação de impunidade. “A população começa a restaurar certo sentido de dignidade”, afirmou.